quinta-feira, 10 de março de 2011

O Dia Mundial do Rim

Apesar do dia estar quase, quase a acabar, acho que ainda vou a tempo de mandar uns bitaites sobre isto informar que hoje, dia 10 de Março, temos uma grande efeméride que ninguém conhecia: o Dia Mundial do Rim.

Fonte

O Twitter cada vez mais demonstra que não é inútil. Provou-se isso hoje mesmo: através dele, mais propriamente da sempre querida sempre mal-disposta minha querida seguidora e que eu também sigo, @SaraFilipa_*, descobri que hoje é o Dia Mundial do Rim. Ah, e como se fosse muito importante, foi a mãe da Sara que a informou, ou seja, que me informou directamente.

Por outro lado, pesquisei sobre este dia, e descobri mais algumas coisas. Se pensa que o Dia Mundial do Rim é o dia 10 de Março, desengane-se. É a segunda quinta-feira do nosso terceiro mês... O ano passado destacou-se a relação entre diabetes e o rim, enquanto que em 2009 se enfatizou a sua relação com a hipertensão arterial. Este ano, é com o coração. Parece que só nestes dias é que se lembram da saúde.

Eu tenho, obrigatoriamente, que fazer duas perguntas sobre isto:

  • Para que servem este tipo de efemérides se ninguém as conhece?
  • Para que servem este tipo de efemérides se nada se faz para lutar contra tal?

Curioso como sou, tentei, como é óbvio, tentar auto-responder-me. Cheguei às seguintes conclusões:
  • Para que servem este tipo de efemérides se ninguém as conhece?
Grande questão. Eu às vezes sou um génio. O problema é que responder a esta questão é complicado. Porém, o que mais me custa não é arranjar uma resposta que se faz depois de gastar um pouco os neurónios. É que isso levantará mais questões. Afinal, isto é apenas outra efeméride como "Dia do que-não-come-depois-de-lavar-os-dentes" ou "Dia dos rios-ácidos-nórdicos-sem-poluição"... Que algo que novo trás? Todos os dias existem efemérides, e mais que uma por dia. São noticiadas? Não. As pessoas têm conhecimento? Raramente.
Por isso faço questão de repetir: se ninguém as conhece, não seria melhor ter apenas poucas, mas que realmente se fizesse algo sobre elas? A minha próxima interrogação vem no seguimento desta.

  • Para que servem este tipo de efemérides se nada se faz para lutar contra tal?
Apenas costumo ver que se faz algo realmente nos Dias do Cancro ou Não-Fumador. Há o Dia da Árvore e não se vêm campanhas. Há o Dia do Rim, do qual eu não tinha conhecimento. E, curiosamente, não há nada que se faça por isso. Qual é, afinal, o objectivo e o significado destas efemérides? 
Contudo, eu pareço estar enganado. Por exemplo, a clínica do Centro de Diagnóstico e Aprendizagem de Análises Clínicas realizou hoje, em Cabinda, testes de análises de sangue e urina em saudação deste dia que hoje se comemora.

Como constataram não cheguei a conclusão alguma. Respostas procuram-se.


* Só amanhã estreiam as Entrevistas de 6ª, mas penso que, já que falo nela, posso adiantar que será a segunda convidada.

@lppc90

Sem comentários:

Enviar um comentário